24.7.08

Diário de bordo da stellinha de 9 anos

20 de julho de 1996 23h13

Sábado.

Querido diário

Hoje acordei e tomei banho e depois fui para a minha vó 13h23 quanmdo cheguei lá a jaque e a bianca e o meu primo ricardo estavam lá e eu nem sabia que eles lá estariam e levei meus brinquedos agente eu minha irmã, a jaque e a bianca brincamos de escolinha Eu e a Jaque fomos professoras e a Bianca e a Jéssica foram alunas Elas foram embora e eu e a minha irmã Jéssica ficamos meu pai chegou e me levou embora quando cheguei meu pai fez uma coisa de fazer bolha de sabão e eu e a Jé fizemos depois eu fiquei... (não dá pra ler)


12 de julho de 1996

Querido diário

Hoje de manhã acordei na tia nena pensando que eram 10:00 e eram7:10 da manhã eu e a fátima viemos para a tia Emilia e chegamos lá estavam todos dormindo e batemos na porta e o tio nene abriu e nós entramos e ninguém acordou, o tio nene dormiu de novo eu e a fátima fomos até o banheiro e a vó apareceu ela fez café e eu tomei e saí na ruaum pouquinho achei um boné dos mamonas assassinas. E fui logo, correndo, pedir pra minha vó 2,75 e ela me deu eu fui logo lá comprei e já voltei com ele na cabeça e fiquei muito feliz.
Quando a noite chegou eu fui na pracinha e uns meninos ficaram nos chateando e até quebrou a orelha do meu bichinho a vó costurou e eu e a natalia voltamos e depois de muito "lutar" nós pegamos amizade um deles se chama junior não deu amizade comigo deu "namoro" é isso ai ele é lindo tem cabelo loiro olhos azuis e muito sincero ele também gostou de mim e nao vai dar porque nós moramos muito longe e só por carta e telefone não iria dar e fiquei com ele muito tempo mas quem sabe e fui dormir.

BOA NOITE


(Na última página) 29/12/95 Segredo não tomei banho

...
(ps: a grafia e todas as palavras são da menina de nove anos, a qual peço licença para aqui publicar esses pequenos segredos)

6 comentários:

Narrador disse...

coragem

Gabi Romeiro disse...

Stellinha, que coisa preciosa!
Legal como a menina de 9 anos evitava usar pronomes, sempre nomes próprios, um respeito às identidades.
O boné dos Mamonas é literariamente inesperado, rs...
Poste mais, mais...

momo disse...

detalhe que não pode passar imune: ela tinha 9 anos! ela ja praticava seus carrinhos diários.

Anônimo disse...

Você é muito sensível.

litlle bug. disse...

Se você não escreve, tenho pesadelos.

TATO disse...

Que engraçado! Mas não esse engraçado! Um engraçado diferente! Pra não falar que bonito! Ah vc entendeu.
Tato.